Que tipo de homofobia você já sofreu?


Homofobia é crime, não seja cúmplice. Denuncie.

segunda-feira, 2 de agosto de 2010

Criaturas da noite...

Apesar de eu ser uma aficcionada por misticismo, criaturas míticas e fantasia, principalmente por vampiros e outras "criaturas da noite", não é exatamente disso que eu vim falar aqui hoje.
As criaturas da noite a que me refiro somos nós:lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transsexuais.


Por que afirmo isto? Simples. No dia a dia não nos é permitido expressarmos afeto e tampouco uma ousadia, pois não temos lugares para nós. Diariamente, nossos rostos estão expostos ao reconhecimento, ao ódio alheio também. Mas à noite... à noite, somos =s don=s do pedaço. Podemos ir à balada, e ficarmos com quem quisermos, podemos transar no canto da parede sem medo de sermos pres=s por "atentado ao pudor". Podemos sentar e curtir, sem receio de que a mesa ao lado tire sarro por que você é lésbica ou gay. Certo, pois esse é o lado bom. Mas também tem o lado negativo. Dois pesos, duas medidas. A noite é também o hábitat dos homens enjeitados pela família e amigos, por se identificarem externamente com o "gênero mulher". Estou falando das travestis. Aquelas que transformam seu corpo, se vestem como mulheres, e ficam no ponto esperando os clientes. A noite então, é testemunha da face horrenda da rejeição e dos meios indignos de sobrevivência daquel=s que vivem à margem da sociedade.
A noite é a nossa válvula de escape para o preconceito do dia a dia. É um dos poucos momentos em que podemos ser o que queremos ser. Somos as criaturas da noite que saem em busca da aceitação. Logo, LGBTs, se é a noite o nosso hábitat natural, aproveitemos.



Um comentário:

Artemis lunar disse...

Mas é claro que voces são criaturas da noite afinal são crias de Lilith A senhora da noite e criadora das depravações sexuais como pedofilia necrofilia e HOMOSSEXUALISMO!!!!